Todos estamos acostumados a ouvir que furões são criaturas extremamente ativas e que fazem todo tipo de bagunça quando acordados. Isso é o normal, mas existem situações que devem ser percebidas, pois podem ser sinais de problemas.

Furões são por natureza criaturas muito curiosas e que gostam de interagir com humanos em maior ou menor grau de acordo com a personalidade de cada um. Mas o normal é serem brincalhões, e muito ativos.

Mesmo furões em idade mais avançada (mais de 5 anos) mantém essas características mesmo que menos intensas.

O recado é: Um furão quieto ou prostrado fora dos períodos normais de sono geralmente é sinal de que algo não vai bem.

  • Furões são criaturas MUITO inteligentes. Seu cérebro é proporcionalmente maior do que os de cães e gatos. Furões precisam de estímulos, como desafios e brincadeiras que envolvam algum tipo de habilidade intelectual. Sem isso, ficam entediados e isso pode evoluir para depressão.
  • Se o furão parece cansado, é bom levá-lo ao veterinário para uma investigação, pois diversos problemas de saúde, alguns problemas sérios tem esse sintoma.
  • Se seu furão perdeu um companheiro, ele precisa de toda a atenção possível. Eles ficam deprimidos facilmente nessa situação.

Veja a linguagem corporal, se está comendo, bebendo, perdendo peso, se faz as necessidades normalmente. Verifique também se há perda de pelos, ou outros sinais no corpo, se tem dor ou algo do tipo.

Falta de apetite e perda de peso nunca é bom, as causas podem ser desde depressão, problemas gástricos, intolerância a algum alimento ou mesmo coisas sérias como diabetes, linfoma, etc.

Lembre-se de que  quanto mais cedo diagnosticar, mais chances do problema ser resolvido.